<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d11649652\x26blogName\x3d::Medievas::\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://medievas.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_BR\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://medievas.blogspot.com/\x26vt\x3d5012197479089928805', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

21.
sábado, março 24, 2007

::Da série A Barata Lispectoriana::

Perfil: homem

Ele surgiu na minha frente inesperadamente. Me abraçou e fomos contar as novidades, na segurança de uma mesa de bar. Sou um desiludido. Ana é a culpada. Por isso. Sabe, eu gosto de mulheres bonitas. Não consigo me relacionar mais, é só físico. É, relações são complicadas. Pois é, não quero isso, quero só o carnal.

Já eu, ah, eu queria um homem novo. Por que o homem não pode ficar em casa enquanto eu vou trabalhar? Pois é, alguém cuidando da casa, das crianças. Eu sustentaria a casa. E amaria aquele único homem.

Você é estranha. Sou? Não acho.stranha. Sou? Não acho.

Eu não sou estranha.

...

Ontem, antes de dormir, surgiram duas baratas, vindas de um vento noturno, pela janela. Armei-me de uma vassoura, e sem remorsos, espatifei uma. A outra me fugiu. Onde terá ido ela parar?




<body> </body>